Ambiente Corporativo, Consultoria, Controle, Geral, Gestão

DASHBOARDS (PAINÉIS DE CONTROLE) – PARTE II

Dashboards II

Conforme prometemos, após a introdução no post passado sobre os Dashboards (clique aqui para revê-lo)neste e no próximo post vamos revelar 30 dicas de como apresentá-los com qualidade. Para adquirir esse conhecimento, os sócios da Priority Partners participaram de um curso online (www.MyOnlineTrainingHub.com), onde essas dicas foram apresentadas e fomos autorizados a compartilhá-las com nossos leitores. Aqui vão elas:

Menos é mais

  1. O Excel possui uma grande quantidade de tipos de formatação, mas isso não quer dizer que você precise utilizar tudo que há disponível. Formatações como bordas chanfradas, preenchimentos de gradiente, efeitos 3D, várias cores e esquemas de cores “ousados” agem apenas como uma distração para o usuário.
  2. Se você está tentando transmitir várias mensagens em um gráfico, considere utilizar mais gráficos. Não confunda o usuário. Simplifique!
  3. Se você possui vários gráficos com os mesmos rótulos, alinhe-os e rotule-os uma vez somente.
  4. Mesmo considerando que você possua muitas informações, você deve utilizá-las essencialmente e com muito critério em seu relatório. Certifique-se que os dados utilizados são relevantes para o report global e que realmente ajudam na interpretação dos resultados.

Conheça o seu público

  1. O nível de informação e da apresentação dos gráficos precisa ser compatível com o público ao qual se deseja reportar.
  2. Conheça bem a informação a ser reportada e combine-a com o tipo certo de exibição, seja gráfico, tabela ou símbolos.

Dica: um gráfico nem sempre é o melhor método de comunicação. Às vezes, uma tabela é melhor, especialmente quando a informação necessita ser exata.

  1. Determine o objetivo do Dashboard e certifique-se de que responderá às perguntas relevantes e trará as respostas certas para os seus leitores.
  2. Se o seu público é composto somente por funcionários internos, você pode apresentar o Dashboard sem o logotipo da empresa. Você sabe para quem você trabalha!
  3. Caso o painel seja impresso, tenha certeza que ele se encaixará muito bem em uma página, seja no modo retrato ou paisagem. Não se esqueça de definir as configurações de impressão, incluindo informações no rodapé sobre a fonte dos dados, detalhes de contato e data de impressão. Caso ele seja visualizado na tela, certifique-se que não haverá necessidade de rolagem.

Continuaremos com as demais dicas no próximo post. Aguarde! Quer receber nossas dicas semanalmente? Inscreva-se no nosso blog: clique aqui e preencha os campos de nome e email “follow us” do lado direito da tela.

A Priority Partners é especialista na criação de ferramentas de controle e apresentação de indicadores em Dashboards. Conte com a gente!

Equipe Priority Partners

www.p1p.com.br

Author


Avatar